Tijd  8 uur 37 minuten

Coördinaten 1899

Geüpload 2 oktober 2013

Uitgevoerd oktober 2011

  • Score

     
  • Informatie

     
  • Gemakkelijk te volgen

     
  • Omgeving

     
-
-
1.529 m
1.246 m
0
1,5
3,1
6,18 km

12650 maal bekeken, 425 maal gedownload

nabij Sítio Lucidororio de O. Lima, Paraná (Brazil)

Percurso que leva à famosa Pedra da Tartaruga do Quiriri, partindo do planalto, das terras que fazem parte da Fazenda Alto Quiriri (propriedade do Grupo Hacasa-Ciser - exige autorização prévia de passagem).

Este percurso sobe o Monte Bradador (antenas) e se estende pelo lado esquerdo do Monte Padre Raulino, adentrando a região do "Vale Encantado" (Rio Quiriri) e de lá inflete a leste, atravessando a crista de morros em direção à Pedra da Tartaruga.

É possível tanto fazer este trajeto "de ataque", indo e voltando no mesmo dia, sem pernoite, como acampando na base da Pedra da Tartaruga ou arredores.

Na região há várias opções de locais para acampamento além daquele que escolhemos. Pede-se aos que forem até lá que preservem a região, observando as regrinhas de mínimo impacto (explanadas adiante).

CARACTERÍSTICAS:
A região toda é de especial beleza e singularidade. São algumas das porções de campos rupestres mais expressivas do Brasil e de extrema importância sob o aspecto ambiental. Além disso é uma região com grande número de nascentes que depois alimentaram sucessivos rios da região, abastecendo várias grandes cidades da área, como Garuva, Joinville e outras.

DIFICULDADE:
Na região do Alto Quiriri impera uma espécie de microclima, muito peculiar. Pode-se caminhar horas a fio no sol, com céu azul e, de um momento a outro, de repente, tudo ficar encoberto por um nevoeiro denso, chamado na região de "tapume" (os gaúchos chamam de "viração" o fenômeno parecido que ocorre nas encostas da Serra Geral). Isso pode comprometer a navegação visual, pois com nevoeiro denso praticamente não se encherga nada e as trilhas, sob cerração, ficam todas iguais, levando o caminhante a se perder.

A altimetria dos percursos pelo Alto Quiriri não é elevada, mas as caminhadas pelos campos e capim fofo, em constante sobe e desce pode ser bastante cansativa e exige bastante das pernas, não subestime-as! Necessário andar atento e com cuidado ao pisar (especialmente com buracos sob as toiceiras de capim) pois vários são os casos de entorses de tornozelo por ali.

Água é um item que pode ser encontrado em muitos locais, a área é rica em nascentes de rios com água potável (na grande maioria dos casos). Basta procurar em pequenos vales, onde a mata é mais espessa e verde mais escura.

Somando-se estes fatores, considero para este percurso que o nível de dificuldade para esta caminhada é MODERADO. O tempo de percurso registrado pelo GPS (de mais de 8h que consta nas estatísticas), não corresponde à realidade da caminhada (direta) aqui retratada, que foi mais extensa por conta de paradas e caminhos exploratórios que percorremos na ocasião e não são mostrados nesta tracklog.

SEGURANÇA E PRESERVAÇÃO - RECOMENDAÇÕES GERAIS:
Não arisque a sorte. Se não conhece a região, não se aventure sem companhia de quem conheça a área.

- Recomenda-se SEMPRE usar calçado adequado para trilha, como bota de cano médio e ter consigo equipamentos básicos para qualquer caminhada, como lanterna de cabeça e pilhas sobressalentes, proteção contra chuva e frio como um poncho ou anoraque e comida e água suficientes para se manter num dia de jornada.

Ao trilhar pela região você também se torna responsável por ela. Lembre-se:
- Você é o principal responsável por sua saúde e segurança. Preste atenção onde pisa, onde senta e onde se segura. Cobras, aranhas e outros insetos potencialmente perigosos são encontrados com frequência na área e constituem riscos reais em qualquer área selvagem, especialmente nas estações de primavera e verão.
- TRAGA TODO o seu lixo de volta consigo;
- NÃO FAÇA FOGUEIRAS - toda a área é de preservação ambiental e é muito sensível a incêndios florestais, especialmente no inverno, quando tudo fica muito mais seco. EVITE ao máximo FUMAR na área e, se o fizer, não descarte suas bitucas no caminho - apague-as com água e traga junto com o seu lixo;
- Necessidades fisiológicas devem ser feitas longe de cursos d'água (pelo menos a 50m de distância). Dejetos sólidos devem ser enterrados e o papel higiênico trazido de volta com você;
- NÃO POLUA A ÁGUA das nascentes existentes na região: em seus eventuais banhos de rio, não use sabonetes e outros cosméticos e observe antes a remoção total dos resíduos de filtro solar, cremes e/ou repelentes aplicados sobre a pele. LAVE-SE ANTES, FORA E LONGE DO RIO com uma garrafa para remover estes resíduos, sem lançar esta água usada diretamente no rio novamente. Estes produtos são altamente contaminantes e aquelas são águas que você mesmo e outros usarão para beber adiante. NÃO LAVE PANELAS ou mesmo descarte restos de comida nos riachos;
- NÃO DESMATE, não abra novas trilhas, não colha plantas ou mesmo flores;
- NÃO faça marcas nas rochas, NÃO coloque fitas ou sinalize partes da trilha, isso só deve ser feito por pessoas qualificadas e dentro de um plano de manejo. Também NÃO danifique a sinalização que porventura encontrar;
- FAÇA SILÊNCIO e desfrute da natureza como ela é, inclusive seus sons característicos;

Agindo desta forma você não coloca em risco outras pessoas, como seus próprios companheiros de caminhada ou ainda terceiros que poderiam ser acionados para um resgate, além de contribuir para a preservação do local e da região como um todo, mantendo-os interessantes aos que por ali irão passar depois de você. RESPEITE!
"A natureza também pertence aos que ainda estão por vir"

Boa montanha!

Bekijk meer external

Acampamento na base da Pedra da Tartaruga Água no vale, logo abaixo, a uns 10-15 minutos de caminhada.
Monte Bradador (Antenas)
Pedra da Tartaruga
Porteira de entrada na Fazenda Alto Quiriri - Grupo Hacasa/Ciser, sediado em Joinville/SC. Necessário solicitar previamente autorização de entrada na fazenda.
Sede da Fazenda Alto Quiriri
Estacionamento. Pátio onde se pode deixar os veículos, longe da sede da Fazenda, mas próximo ao ponto de início das caminhadas em direção ao Norte da Serra do Quiriri.
Riacho. Afluente do Rio Quiriri, num dos braços do chamado "Vale Encantado".

29 commentaren

  • Foto van Adriano Feliciano felizardo

    Adriano Feliciano felizardo 4-okt-2013

    Quantas Trilhas! quero ser assim quando crescer. /outdoor-trails/pedra-da-tartaruga-via-fazenda-alto-quiriri-e-vale-encantado-5360738#wp-5360739

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 21-okt-2013

    Oi Adriano!
    Não são tantas assim como eu gostaria, mas consigo manter uma rotina de passeios. Abraço! /outdoor-trails/pedra-da-tartaruga-via-fazenda-alto-quiriri-e-vale-encantado-5360738#wp-5360739

  • Rat_1969 31-okt-2013

    Me parece uma boa caminhada. A região é muito bonita! Li o relato disponibilizado no link acima e fiquei impressionado com o potencial da região para o trekking.
    Abraço e obrigado por compartilhar!

  • Foto van Goodgabriel

    Goodgabriel 18-mei-2014

    Ik heb deze route gevolgd  Bekijk in detail

    subimos em 9 horas saindo as 19 horas da fábrica de queijo, complicada de seguir, altimetria pesa, exige um conhecimento de montanhismo nível piá vivido. superável, tu anda anda e nunca chega.

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 13-apr-2015

    Pauleira! Diria que dos caminhos para chegar no Alto Quiriri este é o pior... Para alguns, quanto pior, melhor! Rsrs!

  • Foto van Goodgabriel

    Goodgabriel 13-apr-2015

    pior é o melhor haha quer moleza, fica em casa.. kaka

  • Foto van BIRIBA 1977

    BIRIBA 1977 15-apr-2015

    Gostei muito da região. Subimos o Aracatuba nesses dias.
    Pergunta, a autorizacão para entrar na fazenda e feita na hora, ou tem que entrar em contato antecipado.

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 16-mei-2015

    Olá Biriba!

    Se pretendem entrar pela Fazenda Alto Quiriri, como nesta track, a autorização deve ser solicitada com antecedência ao pessoal da Imobiliária Hacasa, em Joinville.

    No entanto há uma rota alternativa que sai da estrada, antes de chegar na fazenda, na altura de onde há uma mangueira (de gado - local conhecido como "Mangueira do Lageano") onde a autorização pode ser concedida na hora pelo pessoal que ali mora, isso se encontrar alguém ali. Por este caminho, inclusive, a rota é mais curta e direta, mas os veículos ficam na beira da estrada.

    Abraço!

  • Foto van BIRIBA 1977

    BIRIBA 1977 18-mei-2015

    Muito obrigado pelas informações Getúlio.
    Ainda estamos marcando a data desta expedição, mas não vejo a hora da tomada do Quiriri.
    Você não tem a coordenada deste ponto alternativo? e é seguro deixar o carro na estrada?
    Desde já, obrigado.

    Abraços!

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 7-aug-2015

    Olá Biriba!
    As coordenadas estão aí acima, no post anterior. Deixar o carro estacionado na margem da estrada sempre envolve algum risco, mas ali creio que seja muito pequeno.
    Abs!

  • Alcione Fernandes 9-mrt-2016

    Bom dia! em que parte dos campos do Quíriri fica este lugar?? https://pt.wikiloc.com/trilhas-outdoor/pedra-da-tartaruga-via-fazenda-alto-quiriri-e-vale-encantado-5360738#wp-5360745/photo-2835727

  • Thiago Passarin 17-aug-2016

    Esse tempo de 8h37 foi só a ida? Estou procurando sugestões de percursos no Quiriri para um único dia, sem acampamento.

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 19-okt-2016

    Olá Thiago!
    Não, este tempo provavelmente foi tomado da track toda, da qual aqui está apenas uma parte, que é justamente a caminhada até a Pedra da Tartaruga.
    Estimo em cerca de 4h30 a 5h00 a caminhada total, saindo da Fazenda. No entanto há uma rota ainda mais rápida, que parte direto da Mangueira do Lageano, na beira da estrada, pouco antes de chegar no portão da Fazenda Alto Quiriri (final da estrada). Por ali são menos de 3 horas se for de ataque.
    Abraço!

  • Foto van Bruno Neil

    Bruno Neil 28-okt-2016

    Nossa parabéns pela trilha e pela descrição!!! Já subi o morro do Bradador com meus amigos, agora estamos pensando em fazer está trilha, acredito que o melhor caminho é esse que vocês fizeram, pois posso deixar o carro dentro da fazenda(Mais seguro). Outra vantagem que vejo em seguir pelo Bradador é que posso acompanhar a borda dos morros que dá na direção de Garuva, a chance de ser perder acredito que seja menor. Pois se seguindo do Bradador e manter a borda sempre na minha direita, o caminho é quase que reto para a Pedra da Tartaruga.

    Vou salvar essa trilha.

    Valeu, abraço ótimas trilhas....

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 17-nov-2016

    Olá Bruno!
    Há várias rotas possíveis, esta é a mais tradicional, lembrando que para fazer o acesso pela fazenda Alto Quiriri é necessário buscar autorização antecipada.
    Quando à menor possibilidade de se perder, isso é bastante relativo. Se pegar viração no alto da serra e não conhecer muito bem a região ou não tiver GPS, é muito fácil se perder qualquer que seja a rota escolhida.
    Boas trilhas!

  • Foto van BrennoLiz

    BrennoLiz 29-jan-2018

    Ik heb deze route gevolgd  Bekijk in detail

    Finalmente consegui chegar na Pedra da Tartaruga! Muito obrigado pelas dicas e pela ajuda com a orientação. Pena não ter conseguido vista aberta para a região, pois o céu estava nublado e peguei muito nevoeiro. Só foi triste ver lixo no alto da pedra, inclusive a caixa de cume estava cheia de lixo!! Vamos acordar pessoal! Se levou a mochila cheia, consegue trazer o lixo e suas embalagens de volta pow!

  • duriganpedro 13-feb-2018

    Por acaso alguém teria um tracklog deste trajeto da Mangueira do Lageado? Procurei e não encontrei.

    Abraços

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 12-mrt-2018

    Mangueira do Lageano. Ou "mangueiro".
    Veja essa track dos amigos do Grupo Cachorro do Mato: https://pt.wikiloc.com/trilhas-montanhismo/pedra-da-tartaruga-via-mangueiro-16877476

  • Foto van Rodolfo Faust

    Rodolfo Faust 25-mrt-2018

    Bom dia. Bem legal a descrição e as fotos. Como faz pra chegar indo pela 101/376? Estou em Curitiba e gostaria de subir essa região do Quiriri. Obrigado

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 25-apr-2018

    Olá Rodolfo!
    Há uma trilha que sobe até próximo da Pedra da Tartaruga partindo da BR-101/376, bem ali na divisa dos Estados, onde há a SantPAR, chamada de Trilha do Queijo. Vai encontrar tracklogs dela aqui no Wikiloc, mas é uma trilha difícil com fortes exigências de navegação e exige também um bom preparo físico para enfrentá-la, sugiro fazer apenas se tiver prévia experiência em trilhas deste nível ou se for acompanhado por pessoas que conheçam a trilha.
    O caminho mostrado nesta tracklog parte do planalto, da Fazenda Alto Quiriri, de propriedade do Grupo Hacasa, de Joinville. É uma rota bem mais fácil para caminhar, e existe uma ainda mais fácil, "via Mangueira", comendada dois posts acima. Para estes dois casos o acesso rodoviário se dá por estradas de terra, partindo de Tijucas do Sul, passando pela localidade de "Postinho", mas o acesso à Serra do Quiriri por ali só está permitindo atualmente passagem de carros mais altos ou 4x4 devido às péssimas condições da estrada na subida da serra.
    Espero ter ajudado. Saudações!

  • Thiago Passarin 4-sep-2018

    Olá Getulio. Pelo Mangueiro então o acesso exige um carro mais alto e com maior tração, certo? E por essa propriedade do Grupo Hacasa, qual é a condição da estrada?

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 5-sep-2018

    Olá Thiago!
    Sim, lembrando que a estrada que leva à Fazenda Alto Quiriri (propriedade da Hacasa - Grupo Ciser) é A MESMA que dá acesso à sobredita mangueira, que fica cerca de 2 Km antes do portão da fazenda. Ou seja, a condição da estrada é a mesma para ambos os acessos. Lembro que a pior parte da estrada costuma ser a porção de "subida" da serra, trecho mais íngreme e liso quando molhado, especialmente para carros baixos e sem tração 4x4.

  • Foto van lorena da silva farias

    lorena da silva farias 4-okt-2018

    Olá! Você pode me passar o contato para conseguir a autorização prévia?

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 5-okt-2018

    Olá! O contato é com a imobiliária Hacasa, de Joinville, porém, esta semana fiquei sabendo que não estão mais autorizando a passagem por lá.

  • Foto van Juarez Grossl

    Juarez Grossl 7-nov-2018

    Olá. Essa duração de 8 horas e 37 min seria de ida e volta? É possível fazer a ida e volta no mesmo dia ou se torna muito cansativo?

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 7-nov-2018

    Olá! Sim, as 8h37min apontadas pelo Wikiloc correspondem ao tempo de ida e volta, aí incluso também tempo de descanso e contemplação no topo do Monte Bradador e da Pedra da Tartaruga, mesmo a track indicando só o percurso de ida.

    Não considero este percurso cansativo para ida e volta no mesmo dia, mas para evitar passar pelas terras da Fazenda Alto Quiriri (recentemente fechadas à passagem de caminhantes) e para facilitar o trajeto (já que desvia a subida do Monte Bradador), recomendo iniciar o ataque à Pedra da Tartaruga partindo da "Mangueira do Lageano", que fica na estrada de acesso, à esquerda, uns 2 km antes do portão da Fazenda.

    Este percurso sugerido está disponível como parte do circuito que consta desta tracklog (link), do amigo Bruno, e seu início é apontado como "Mangueira 01". Partindo da mangueira a jornada toda, ida e volta, baixa de 5 horas em ritmo tranquilo e com menor altimetria, abrindo margem para conhecer outros pontos próximos.

    Saudações e boas trips!

  • Rat_1969 19-jan-2019

    Sabem informar se estão liberando a passagem na Fazenda da Ciser? Ouvi uma conversa de que estavam proibindo a passagem, mas não consegui confirmar.
    E pela mangueira, na estrada, antes de chegar no portão da Fazenda da Ciser, tu já fez até a Pedra da Tartaruga ou ao Raulino por ali?
    Abraço!

  • Foto van Juarez Grossl

    Juarez Grossl 28-jan-2019

    Olá pessoal. Um amigo meu conhece o pessoal de Joinville que é dono dos terrenos alí, eles estão liberando a passagem mas somente com a autorização e rigorosamente com hora marcada para o capataz abrir as porteiras.

  • Foto van gvogetta

    gvogetta 29-jan-2019

    Eu tenho informação de que tem gente passando mesmo sem autorização, o que pode gerar conflitos.
    Todavia o pessoal (geralmente fazendo a travessia Araçatuba-Crista) desvia bastante da sede da Fazenda Alto Quiriri e até onde sei, não têm sido interpelados pelo caseiro/capataz responsável. O acesso pelas porteiras seria para quem vai de carro, pois quem chega pelo Bradador (vindo do Norte, por exemplo), nem precisa passar porteira alguma.
    Bons ventos!